top of page
  • Foto do escritorDeallink

Estados Unidos, o país com mais apetite para M&A no Brasil?

Atualizado: 19 de abr.

Você já ouviu falar em apetite para M&A? Essa modalidade refere-se à disposição e/ou interesse de uma empresa em relação a realizar fusões e aquisições. Dessa maneira, os Estados Unidos aparece como uma das principais potências. Esse apetite é determinado por meio de estratégias e objetivos da empresa, além das oportunidades de mercado, sua capacidade financeira e demais informações relevantes. Basicamente, é uma medida de interesse da empresa em encontrar transações de fusões e aquisições ativas como uma parcela da sua estratégia, visando crescimento e expansão. Por isso, neste artigo, vamos explicar melhor sobre o porquê dos Estados Unidos ser uma das grandes potências, assim como os motivos que levam os estadunidenses a terem maior apetite para M&A no Brasil. Boa leitura!

Potência mundial Assim como citado anteriormente, os Estados Unidos é um dos países mais interessados em M&A, principalmente voltado para empresas no Brasil. Grande parte dos cases de sucesso são provenientes do país, como, por exemplo, a Disney e a aquisição da Marvel. Existem algumas razões para isso os estadunidenses obterem tanto sucesso. Entre elas estão o ambiente regulatório favorável, o que torna o cenário relativamente favorável em relação a transações de fusões e aquisições. Os regulamentos de proteção ao investidor e antitruste também são mais flexíveis e menos restritivos se comparado com outros países. Os Estados Unidos também contam com um mercado financeiro muito desenvolvido e sofisticado, tendo um acesso a capital bastante amplo. Dessa maneira, esse aspecto facilita o financiamento de transações voltadas para fusões e aquisições. Ou seja, esse fato permite que as empresas busquem mais oportunidades de crescimento. O mercado interno também chama a atenção. Afinal, a diversidade e o tamanho do mercado interno do país oferecem mais oportunidades para que as empresas possam expandir as suas operações, aumentando a participação destes no mercado. Basicamente, isso faz com que o ambiente fique mais propício, garantindo maior apetite para M&A. Por fim, é muito importante destacar que o país conta com uma cultura empresarial voltada para os empreendimentos. Dessa forma, existem diversas leis e regulamentos valorizando o crescimento rápido e focado para o empreendedorismo. As empresas dos Estados Unidos possuem uma mentalidade focada no crescimento e buscam constantemente oportunidades para fusões e aquisições, focando na expansão de seus negócios. Em resumo, esses fatores, quando são combinados, acabam contribuindo para um apetite maior para M&A nos Estados Unidos em comparação com outros países. Por mais que isso varia e depende de vários fatores ao longo dos anos, os norte-americanos sempre surgem como grandes potências para o empreendedorismo.

Por que o apetite de M&A no Brasil? Existem diversos motivos pelos quais os Estados Unidos podem acabar desenvolvendo um maior apetite para M&A no Brasil. Por isso, abaixo listamos algumas das principais razões:

Tamanho do mercado brasileiro Quando pensamos no mercado brasileiro é muito importante pensar que o país é uma das maiores economias do mundo. Além disso, trata-se de um dos mercados consumidores com maior tamanho significativo. Dessa maneira, por essa razão, muitas empresas dos Estados enxergam o Brasil como uma possibilidade de expandir a sua presença global, pois é uma forma de agregar valor ao seu negócio. Além disso, também é possível aproveitar as oportunidades de crescimento que são oferecidas pelo mercado brasileiro. Assim sendo, esse é um dos principais motivos que fazem com que os Estados Unidos tenham tanto apetite para M&A no país.


Recursos naturais e setores estratégico Sabemos que o Brasil é um dos países mais ricos em recursos naturais, como, por exemplo, em agricultura, energia renovável, minério de ferro e, principalmente, em petróleo. Esses setores despertam o interesse de empresas norte-americanas que desejam garantir maior acesso a essas matérias-primas ou até mesmo a diversificar suas operações. Setor de tecnologia Assim como é rico em recursos naturais, o Brasil chama a atenção por seu setor de tecnologia e inovação, em constante crescimento. Ao longo dos anos, diversas startups e empresas emergentes em diversos setores surgiram. Assim sendo, as empresas dos Estados Unidos buscam nestas oportunidades perfeitas para realizarem fusões e aquisições, a fim de adquirir, principalmente, tecnologia. Porém, também cuidam bastante em encontrar talentos ou expertise em áreas específicas. Ambiente regulatório O ambiente regulatório do Brasil pode até ser considerado bastante complexo. No entanto, é muito importante destacar que, nos últimos anos, existem esforços, a fim de torná-lo mais previsível e favorável para os investimentos estrangeiros. Dessa maneira, diante desse ambiente regulatório mais controlado e mais favorável, as empresas dos Estados Unidos veem uma boa oportunidade para expandir as suas operações. Por isso, esse é um dos principais motivos para o apetite para M&A. Relações e acordos comerciais Há muitos anos os Estados Unidos possuem uma relação comercial bem significativa com o Brasil. Além disso, os dois países estão fechando diversos acordos bilaterais, fortalecendo o vínculo. Dessa maneira, existem diversos incentivos focados para a cooperação econômica entre Estados Unidos e Brasil. Portanto, essa relação positiva pode facilitar as transações de fusões e aquisições entre empresas nos países. Cases de sucesso Quando citamos o apetite para M&A entre Estados Unidos e Brasil é muito importante destacar alguns cases de sucesso, pois eles influenciam nos negócios de fusões e aquisições. Um dos principais é a aquisição da Anheuser-Busch pela InBev, realizada em 2008. A empresa brasileira Ambev se fundiu com a InBev, formando a AB InBev. O resultado disso é a aquisição da cervejaria americana Anheuser-Busch, tornando-se uma das maiores cervejarias do mundo. Outro case de sucesso é a aquisição da Natura pela Avon, em 2020. A partir disso, surgiu a Natura&Co. A transação entre as duas criou uma das maiores empresas de beleza de todo o mundo. Considerações finais Esses fatores citados acima favorecem e contribuem para que os Estados Unidos tenham um maior apetite para M&A com negócios no Brasil. O mercado brasileiro é considerado um dos maiores potenciais para crescimento econômico e descoberta de maiores talentos. Vale destacar que as tendências de investimento e de apetite por fusões e aquisições de negócios variam de acordo com o tempo. Além disso, sempre leva-se em consideração aspectos econômicos, políticos e regulatórios. Confira mais conteúdos em nosso Instagram!

Comentários


E-books

CTA_01-1-250x300.png
bottom of page